KW Portugal (Keller Williams)

Keller Williams (KW) Portugal foi uma das primeiras iniciativas de expansão mundial desta empresa de mediação imobiliária - e a mais bem sucedida - cuja estratégia de internacionalização visa replicar o sucesso alcançado nos E.U.A. e no Canadá.

A Keller Williams foi fundada em 1983 e é a agência imobiliária nº 1 nos EUA em número de consultores imobiliários, e conta atualmente com mais de 190.000 consultores distribuídos por mais de 980 agências, em mais de 36 países espalhados pelo Mundo.

No final de 2013 é estabelecida uma aliança entre a KW e a imobiliária Ábaco - já então uma agência imobiliária líder no mercado nacional - que deste modo iniciou a expansão da Keller Williams no território nacional. Eduardo Garcia e Costa e Nuno Ascensão da Ábaco e sócios da KW Portugal, são responsáveis pela entrada da marca em Portugal e pelo seu rápido crescimento desde então.

A KW Portugal em números

Apesar de recente, o percurso da Keller Williams em Portugal é assombroso. Em cerca de 4 anos a KW aumentou a cobertura nacional e dispõe atualmente de uma rede de 22 Market Centers pertencentes a 11 franchisados, onde trabalham mais de 2000 associados (consultores imobiliários e colaboradores).

Notícias da Keller Williamsinfo-icon Portugal

Aqui pode acompanhar as últimas notícias acerca da atividade da Keller Williams em Portugal.


A bem da verdade os Espartanos até arrancar olhos permitiam:). Esta luta brutal terminava frequentemente com a morte de um dos oponentes, quando não a de ambos, e era o preço a pagar pela glória de entrar na famosa arena olímpica.

Os números do emprego na atividade imobiliária

Em Portugal e nos últimos anos, o setor imobiliário tem crescido como nunca antes acontecera, no que respeita... Ler mais

Este é o mote da cultura empresarial da marca criada por Gary Keller e Joe Williams em Austin, Texas, em 1983 e que ainda hoje serve de inspiração a mais de 183.000 associados espalhados por 36 países, nos 6 continentes do mundo.

A KW-Keller Williams foi a primeira empresa a marcar a diferença em relação à restante indústria ao mudar o foco da organização para o... Ler mais

Eduardo Garcia e Costa, Regional Owner da Keller Williams (KW) Portugal, afirmou à Lusa:

Continuamos a crescer muito acima do mercado. Estamos a crescer pelos 60%, quando comparado com o primeiro semestre do ano passado, [para 750 ME], quando o mercado cresce à volta dos 20%, o que demonstra a diferença no nosso modelo de negócio.

O nosso modelo de negócio tem criado... Ler mais

A Keller Williams (KW Portugal) alcançou em Abril o número de 1.750 associados (entre consultores comerciais e staff). Este número está alinhado com o referido objetivo de contar com 2.500 consultores até ao final do ano e coloca Portugal em lugar de destaque face aos mais de 20 países que operam fora do continente norte-americano, onde a maior marca de franchising do mundo no ramo... Ler mais

Red Day 2018

Desde a reconstrução de espaços degradados, remodelação de áreas desgastadas e até reflorestação de zonas ardidas serão algumas das ações de voluntariado que os associados da KW farão acontecer um pouco por todo o país.

Em Portugal, alguns exemplos destas iniciativas são os seguintes: pintura de salas do Centro de Atividades Ocupacionais da APPACDM do Porto, em que estarão... Ler mais

Assumir-se como líder do mercado imobiliário em Leiria e atingir a marca de 1.75 milhões de euros de faturação no final deste ano são os objetivos que a KW Viva de Leiria se propõe ao comemorar o seu primeiro aniversário.

A festa do 1º aniversário ocorreu na passada sexta-feira, dia 6, na Quinta das Palmeiras e contou com a presença de investidores, colaboradores e... Ler mais

Este projecto, com data de início marcada para 2018, contempla ainda a possibilidade de expansão futura do espaço inicial, equiparando-o a um hostel, de modo a alojar todos aqueles que necessitem de pernoitar no Porto em virtude dos internamentos no IPO.

Este projeto vai ser suportado financeiramente por uma fundação, a criar futuramente pela KW Business, reforçando assim a aposta... Ler mais

A economia de partilha é um tema sobejamente discutido nas duas últimas décadas e que tem feito o seu percurso acidentado um pouco a reboque da globalização. Mas da mesma forma que a economia de partilha na vertente do consumidor (usufruto de bens e serviços) é uma das tendências futuras, ao nível dos fornecedores de serviços a partilha de negócios tem um futuro igualmente risonho.

 ... Ler mais

2465 leituras